(CLIQUE NAS IMAGENS PARA VÊ-LAS EM TAMANHO REAL)

quinta-feira, 6 de março de 2014

Tailândia (PARTE 2): Long Beach, o Resort, a Comida

Depois de um primeiro post um tanto quanto "negativo", falando de pobreza, sujeira e até tsunami (link AQUI), é hora de partir pra parte boa na série de posts sobre nossa viagem à Tailândia, começando pelo local onde ficamos, Long Beach, e a comida local, ridiculamente barata.

Ao desembarcar em Phuket, pegamos um taxi direto pro Rassada Pier (uns 50km) e de lá pegamos um ferry até Koh Phi Phi. A chegada em Koh Phi Phi não poderia ter sido melhor: fomos recebidos, no Ton Sai Pier, por uma enorme quantidade de peixes, bem variados e coloridos. Segue vídeo:

Região Norte de Long Beach, onde fica o resort em que ficamos
Pra quem é solteiro e quer curtir as famosas festas na praia regadas a muito álcool, o melhor a fazer é ficar nos resorts do vilarejo. Como esse não é nem de longo o nosso caso e a gente só quer saber mesmo é de sossego e natureza, Long Beach é uma das melhores opções. Além de ser uma praia lindíssima, ela fica isolada no extremo Sul da ilha e pra ir do vilarejo até ela (e vice-versa) só mesmo de barco (dá pra ir caminhando pelo morro, mas leva horas, melhor usar os barcos mesmo). Cada ida ou volta custa 100 Baht (cerca de 3,50 dólares australianos) e leva uns 10 minutos, durante os quais pode-se apreciar as águas cristalinas e as belas paisagens da região.

Os barcos que são usado pra circular pelas ilhas são do tipo long tail boat. Todas as tours e passeios são realizados nesse tipo de embarcação, que é bem barata e prática:

A comida é fantástica e, como eu disse no início, super barata: esse delicioso Fried Rice in a Pinnapple, prato típico tailândes, saiu por apenas 200 Baht (menos de 7 AUD):

Os sucos naturais então, nem se fala (eu tomava uns 5 por dia): feitos na hora, geladíssimos e em tudo quanto é sabor, custam uma média de 50 Baht (menos de 2 AUD):

O suco sem gelo é mais caro que o gelado!!! hahahaha... Essa eu nunca tinha visto:

Duas frutas locais que experimentei e curti: Rambutan e Longon.  Rambutan lembra jambo, Longon eu não consigo comparar com nada mas também é muito bom:

Aqui uma Chicken Salad In a Pinneaple - pra variar, outro prato delicioso e baratíssimo:

Tem um tipo de melancia amarela por lá (tem exatamente o mesmo sabor da vermelha):

Um dos restaurantes tinha até caipirinha - será que é com cachaça mesmo?

Em um dos resorts vizinhos dava pra escolher o peixe ou fruto do mar e eles faziam o churrasco na hora (desnecessário dizer que era tudo extremamente barato):

Esse mesmo resort vizinho tinha um bar bem massa, com uns carinhas fazendo uns malabarismos com fogo quase toda noite, bem interessante:


Long Beach tem uns 4 ou 5 resorts de frente pro mar, um ao lado do outro, e nós ficamos no Paradise Pearl Bungalows (site oficial AQUI), que recomendamos fortementeO resort tem um restaurante fantástico, preços excelentes e até um spa de massagem tailandesa. Tudo isso sem contar que é super bem localizado, na área mais bonita de Long Beach:













Do resort da pra ver certinho a região onde fica a famosa Maya Bay, do filme "A Praia"

Esse bangalô de frente pro mar saiu muito barato, muito mesmo:



O spa de massagem tailandesa

A Mi toda feliz e relaxada no final de uma sessão de massagem

Uma hora da típica massagem tailandesa sai por 10 AUD (em Sydney é no mínimo 50):

No próximo post da série, um pouco de fotos e vídeos do vilarejo e também a bela vista de View Point, o ponto mais alto da ilha, que serve de evacuação em caso de tsunami e de onde dá pra ver a ilha toda e o mar a se perder no horizonte. E não se esqueça: o último post será especial, com a nossa visita a Maya Bay, a paradisíaca praia onde foi filmado o filme "A Praia". Imperdível!


3 comentários:

Giselle Santos disse...

Adorei!!! Lindo mesmo e a melancia amarela foi interessante! Obrigada, Giselle.

Gabriela disse...

Oi, tudo bem?
Gostei muito do blog de vocês, as histórias são ótimas! Também morei um tempo fora do Brasil, e me identifiquei com muitas coisas que vocês contaram =)
Tenho um site que reune blogs de intercambistas, se chama “Intercâmbio Blog”. Seria muito legal se vocês divulgassem o blog de vocês lá! É de graça, na verdade fiz para ajudar futuros intercambistas a encontrar todos os blogs da cidade/país de destino em um só lugar.
É só acessar www.intercambioblog.com.br e adicionar o link do seu blog.
Por favor, participem! Com certeza muitas outras pessoas também vão gostar de saber sobre a experiência de vocês =)
Bjs, Gabi.

Eduardo Slompo disse...

Muito lindo mesmo, né Giselle? E as melhores fotos e vídeos ainda estão por vir, aguarde... :)

Legal o projeto, Gabi! Já cadastrei o blog lá, valeu! :)